A padaria para pets que virou franquia

Tempo de leitura: 3 minutos

Criada pelos irmãos Ricardo e Rodrigo Chen, a Padaria para Pets serve suco, doces e cerveja para animais.

Ao entrar em uma padaria pela manhã, há grandes chances de encontrar uma série de clientes tomando café da manhã. Na Padaria para Pets, empreendimento dos irmãos Rodrigo e Ricardo Chen, algo de diferente acontece. Ao lado das pessoas e seus cafés, estão cachorros e gatos, sentados à mesma mesa, comendo docinhos de batata doce e tomando sucos de frutas para começar o dia.

Já nos fins de tarde, a loja localizada na Rua Oscar Freire ganha um tom mais despojado, abrindo as portas para um happy hour compartilhado, onde donos e pets têm a chance de tomar cervejas geladas.

A ideia da Padaria Pet, uma das expositoras da Feira do Empreendedor SP 2016, surgiu quando os dois irmãos conheceram um estabelecimento como esse nos Estados Unidos. Animados com a ideia de investir nesse mercado, nicho que já agradava os Chen, começaram a pesquisar para tirar a ideia do papel. “Fomos atrás de empresas em várias cidades dos Estados Unidos”, afirma Rodrigo, de 35 anos.

Para desenvolver as receitas, o empreendedor contratou uma equipe de veterinários. Isso foi em 2010. Mas mesmo com os produtos criados, os irmãos decidiram não abrir a empresa. “Não era o momento de colocar em prática”, diz.

Apenas em 2015, quando os outros negócios da família não estavam indo bem – os Chen também atuavam na produção de calculadoras e brindes –, Rodrigo e Ricardo decidiram tirar a ideia do papel.

Para lançar a primeira loja, no bairro de Pinheiros em São Paulo, os empreendedores investiram R$ 80 mil. No estabelecimento serviam cerveja, suco, sorvete e bisnaguinhas para cachorros, produtos cujo desenvolvimento custou R$ 100 mil.

Empreendedores lançam franquia de padaria para pets
Empreendedores lançam franquia de padaria para pets

Apesar do alto investimento, Rodrigo acredita que é um mercado em expansão. “Cada vez mais os animais são considerados membros da família.” Segundo ele, o produto mais vendido das duas lojas é a cerveja para cachorros, seguido dos bolos e dos sorvetes. “No verão, o sorvete fez muito sucesso”, afirma o empreendedor.

Faturamento e franquias

Com o sucesso da primeira loja – faturamento mensal de R$ 20 mil nos primeiros meses – os irmãos decidiram investir ainda mais: R$ 150 mil na abertura de uma loja conceito na Rua Oscar Freire. Com salão de festas e restaurante para os animais, o primeiro mês trouxe um retorno de R$ 100 mil em faturamento.

Agora, a Padaria Pet lançou um projeto de franquias, com quatro modelos de negócios: lojas físicas, negócios móveis (vendas em bicicleta e moto), store-in-store (produtos dentro de pet shops) e virtual (um e-commerce que vende os produtos).
Os investimentos são de R$ 150 mil a R$ 300 mil na loja física, R$ 50 mil a R$ 100 mil na móvel, R$ 30 mil a R$ 50 mil na store-in-store e uma mensalidade de R$ 50 para manter o site operando.

Por enquanto, Rodrigo Chen esperar fechar o ano com cinco lojas físicas, entre próprias e franqueadas. A meta é para 2017 é ter 15 unidades.

Fellipe Russo
Acelera Negócios
fellipe@aceleranegocios.com.br
(11) 97608-8199
Inscreva-se no canal do You Tube clicando aqui
Acompanhe no Facebook clicando aqui

print

[fbcomments/* Instale e configure o plugin Facebook Comments - https://wordpress.org/plugins/facebook-comments-plugin/ */]